Quais são os tipos de clareamento?

Após alinhar os dentes, nossos pacientes buscam aquele algo a mais na estética e decidem continuar investindo na aparência e no sorriso dos sonhos e para isso contamos com o clareamento dentário.

Sabia que existem alguns tipos de clareamento?

Sabia que existem alguns tipos de clareamento?


No texto de hoje, decidimos explicar melhor sobre os tipos de clareamento

Existem contra-indicações?

Antes de iniciar o tratamento, é necessário falar com seu dentista para verificar se você pode realmente iniciar o clareamento ou se precisa cuidar de algum detalhe. Porém, podemos listar as seguintes contra-indicações: 

  • Restaurações: A restauração não é uma contra indicação para realização do clareamento, porém, o paciente que possui restauração em dentes anteriores precisa conversar com seu dentista antes de iniciar o tratamento, já que o clareamento não agirá sobre a resina utilizada no dente, sendo necessário, ao fim do tratamento de clareamento, a troca das resinas para que elas fiquem da cor dos dentes naturais clareados.
  • Tratamentos médicos de quadro debilitante: o clareamento pode causar sensibilidade e até mesmo sangramentos, dependendo do caso ou manuseio de placas, o que pode agravar o quadro debilitante do paciente;
  • Gestantes;
  • Alérgicos a alguma composição do gel clareador.

Tipos de clareamento

Existem alguns tipos diferentes de tratamento, e seu dentista poderá indicar o melhor para o seu caso. A seguir, explicaremos como funcionam as diferentes formas de se clarear os dentes. 

  • Consultório

Essa é uma opção em que o profissional protege a gengiva do paciente e usa concentrações maiores do gel clareador. Por conta disso, essa costuma ser uma forma mais rápida de clarear os dentes e o paciente já pode ver resultados nas primeiras sessões. 

  • Caseiro

Aqui o paciente usa uma placa moldada aos seus dentes, na qual coloca o gel clareador. É possível aplicar um gel que será usado por quatro horas diariamente por aproximadamente 21 dias. Por ser uma opção que utiliza porcentagens menores de gel clareador, o paciente normalmente demora mais tempo para notar o efeito do tratamento.

  • Luz Ultravioleta:

Este tipo de clareamento pode ser realizado somente com a luz ou associado ao gel clareador.

Associado ao gel, ele potencializa seu efeito.

Quando utilizado sozinho, ele causa menos sensibilidade, porém, é necessário um maior número de sessões para o resultado. Este tipo costuma ser indicado para quem possui muita sensibilidade. 


Cuidados pós clareamento

Existem alguns cuidados que o paciente precisa ter para que seu clareamento dure e não seja prejudicado. 

Entre eles estão o consumo de alimentos e bebidas com pigmentos, assim como o tabagismo, maior vilão contra a saúde dos dentes e tratamento de clareamento dental. 

Nós escrevemos mais sobre essa questão, em detalhes, neste texto!

Caso você ainda tenha dúvidas, entre em contato conosco e agende sua avaliação gratuita! O clareamento é uma ótima opção para trazer um sorriso iluminado! Nossos especialistas são qualificados e estão prontos para responder todas as suas dúvidas.

90 visualizações

Econtramos avaliações agendadas!

Data e Hora Modalidade